“A CRISE NÃO É MINHA. A CRISE É DO SENADO”

1 Comentário

Há quanto tempo o “santinho” está no Senado? Quem sabe? Pois eu digo: ele entrou lá quando tinha cabelos pretos e está com tudo branco. Esteve sempre nas cristas das ondas senatoriais, então, como é que não sabia das maracutaias? A quem pensa que engana? Só para recordar: quando foi Presidente passou todo o tempo de seu mandato discutindo se ia governar 4 ou 5 anos. O Brasil se danando com um inflação monstruosa e o Sarney discutindo a “cor do cavalo branco de Napoleão”. Ele é tão jurássico que acredita que todo o Brasil ainda é um grande Maranhão, onde pode fazer valer seu sistema de mando coronélico sem reação do povo. Agora, está em maus lençóis com a mídia azucrinando sua vida, colocando maracutaia e mais maracutaia no ar. Que droga, não é, Sarney? Mas quem mandou você e outros espertalhões lutarem tanto pela “Democracia”? Pensavam que ela seria aquela pela qual tanto vêm lutando? Aquela em que vocês mandam e o país obedece? Não, Sarney, para sua infelicidade veio a Internet e mesmo os imbecilizados pela falta de estudo, podem apreender o sentido de mão dupla que a Democracia possui. naqueles tempos eu até fiz uma poesia para vocês, os donos do poder no Brasil. E quase que fui linchado na empresa mista onde trabalhava. Mas eu tinha razão, não tinha? Ei-la:

QUE PAÍS É ESTE?

“É rica a terra

E creio que nela

Em se plantando tudo dá”

E foi com estas palavras

– ou outras que tais –

que o homem chamado Pero Vaz

anunciou aos quatro ventos

a análise lusitana

desta que foi Pindorama.

E o gigante das nações sulamericanas

rico, pujante e em águas um portento,

teve selado um destino cruento

como só o teve Jesus em seu drama.

E deu-se início à colonização.

Não com racionalidade.

Não com amor.

Não com o coração.

Não houve moralidade.

Nem sequer dignidade.

Foi invasão.

desenfreada,

desmedida,

desalmada,

deslavada…

Enfim,

desavergonhada.

E na terra se plantou.

E, em se plantando, tudo germinou.

Deu de tudo, sim.

deu ACM e Barbalhos,

deu Brizolas e Arrudas,

deu Tebet e deu Calheiros,

– nenhum deles cavalheiro -.

E deu até um Delfim.

Pouca vergonha,

roubalheira,

corrupção,

ladroagem,

deu de toda malandragem.

Deu gente que não se toca,

que só pensa nas verdinhas

e só quer levar vantagem.

Deu Faustão

E Lulu Santos,

deu bundinha na garrafa

e deu tantas mais besteiras

que seria uma canseira

tentar listá-las aqui.

Indecência e devassidão,

Nesta terra deu de montão.

Tudo pela Liberdade

de expressão.

Barbaridade!

De tal modo vicejou a malandragem

que o Brasil,

entre festivos carnavais,

ao som de surdos e pandeiros,

Aos gritos das torcidas animais,

fez São Gerson o padroeiro

e quase caloteia o mundo inteiro.

E hoje,

Aquela Terra bela e rica,

que se chamou Pindorama,

é um país sem tradição,

sem saúde,

sem camisa,

sem instrução

e sem pão.

É um país cheio de lágrimas

e de dramas…

Foi transformada em gleba sem cultura

E sem jamais chegar a ser Nação

– diga-se a bem da verdade e da Lei –

ficou aquém da grei.

Pipocam dívidas externas e internas.

E o Brasil,

No coça-coça desesperado

Da desestruturação,

Grita em agonia:

“Enfim, FHC, sarnei!”      (12/05/87)

Bonitinha, não é? Atualmente minha veia poética está caquética. Não ando mais pelas plagas de Camões. Por isto, não vou premiá-los com mais uma poesia verdade. Mas não se preocupe, velho safado. Vou continuar sendo ácido com vocês, coronés dinossáuricos. Um dia, quem sabe? Como se diz lá no nordeste: “o diabo atenta, a faca entra” e vocês vão pro brejo, se Deus quiser (e nós também)

“A CRIANÇA E O ADOLESCENTE TÊM DIREITO À LIBERDADE”

Deixe um comentário

Antes de tecer meus comentários, gostaria de perguntar a você, leitor: o que é Liberdade? O Dicionario Michaellis define Liberdade, entre outros conceitos, como: Estado de pessoa livre e isenta de restrição externa ou coação física ou moral. Poder de exercer livremente sua vontade. Isenção de todas as restrições, exceto as prescritas pelos direitos legais de outrem. Poder de praticar tudo o que não é proibido por Lei. Capacidade ou direito que o homem tem de empregar como entender as suas faculdades e a sua aptidão.

Quero fazer outra pergunta: Você sabe o que é Utopia? O mesmo dicionário nos diz que utopia é fantasia, quimera. Plano ou sonho irrealizável ou de realização em um futuro imprevisível.Ideal.

Ainda quero perguntar a você: O que é família? O Michaellis diz, entre outras definições: “Grupo constituído por marido, mulher e filhos menores ou solteiros. Sectários de um sistema. Você não encontrará nenhuma definição que inclua Emoção e Amor na definição de Família. Não é curioso? Clique na palavra família e vá à página que ela indica.

Mas vamos nós.

Mais

UMA CONVERSA QUENTE!

6 Comentários

Bom, não sei se esta conversa cabe aqui. No entanto, como diz respeito à Religião, então, vai aqui mesmo. Neste fim de semana, o sol estava claro e mesmo assimfazia frio, recebi a visita de duas bondosas senhoras e um senhor rubicundo, caladão, circunspecto. Todos traziam a Bíblia debaixo do braço, exceto uma, que se apresentou pedindo licença para pregar a palavra de Deus. Esta, trazia a Bíblia nas mãos. (Bíblia, para você que, como eu, é ateu, mas não investiga os mitos religiosos como eu faço, é aquele livrinho de capa preta que é facilmente encontrado nas mãos de otários postados nas praças públicas berrando coisas de um passado nebuloso, como se aquilo tivesse valor na Realidade Cruel do presente em que vivemos. É o fundamento da riqueza do pastor mais ladrão e espertalhão de todos os tempos. Falo do todo poderoso Bispo de uma certa seita evangélica que, à custa de otários do mundo todo, tem uma fortuna que não vai gastar durante 50 encarnações). Bom, mas voltando ao nosso feijão-com-arroz, sou contra a que preguem qualquer coisa em meu portão. Mas pensei: “Vou ser bonzinho. Autorizo e, quando se forem, desprego seja lá o que tenham pregado aqui”.

Mais

QUER SABER POR QUE EU ODEIO POLÍTICOS?

Deixe um comentário

Bom, creio que pelo menos 3/4 da população LETRADA E INSTRUÍDA DO BRASIL detesta, lamenta, repudia e finalmente odeia um pouco, pelo menos, os “nossos” políticos (que o diabo os leve para as profundas do inferno e os tranque bem trancados, em sala sem mesmo ter ventilação, porque se não vai ter uma surpresa desagradável. Se colocar carcereiro, este será corrompido e eles, os políticos, vão terminar por tomar o reino do coitado do Diabo). Veja o link e, depois, me diga se você também não passou a detestar políticos!

QABALLAH, O OCUTLSTIMO JUDAICO QUE JESUS ESTUDOU (II)

1 Comentário

Creio que deu tempo de você estudar e compreender o que foi dito anteriormente. Então, vamos prosseguir? Afinal, se o grande Profeta judaico viveu e morreu defendendo os ensinamentos da Torá, os quais embasam-se na Teosofia Cabalística, vale a pena também tomarmos conhecimento deste tema que lhe absorveu totalmente seus curtos 33 anos de vida. Mais

QABALLAH, O MISTICISMO JUDAICO QUE JESUS ESTUDOU PROFUNDAMENTE

8 Comentários

A Árvore da Vida

A Árvore da Vida

Ao lado, um dos muitos símbolos que a Qaballah hebraica utiliza em seu sistema simbólico no estudo da Vida e de sua Origem. Provavelmente Jesus, como judeu que era, não apenas estudou a Torá como, também, estudou profundamente a Qaballah hebraica. Diz-se que ela ensinava inclusive a magia de como fazer ressuscitar os mortos. Mas estes ensinamentos ou foram perdidos pelos fundamentalistas judaicos, ou estão totalmente ocultos aos olhos profanos dos materialistas desta pós-modernidade (e se é isto, então eu dou todo o meu apoio aos fundamentalistas judaicos. A humanidade atual é totalmente incapaz para tomar conhecimento de um poder tão grande). Crer nisto? Descrer disto? é um problema de cada um…

Mais