PARA ONDE VAMOS?

Deixe um comentário

Assim como é na Terceira Dimensão é em todas as outras. Tudo que é criado, evolui, modifica-se, aprimora-se e continua assim eternamente.

Assim como é na Terceira Dimensão é em todas as outras. Tudo que é criado, evolui, modifica-se, aprimora-se e continua assim eternamente.

Vimos de onde viemos e também a razão de estarmos aqui. Agora, que tal compreender nosso destino futuro? Vamos tentar? Então, mãos à obra. Em primeiro lugar devemos ter em mente que no Universo tudo evolui e esta evolução não tem fim, ao menos dentro do que nossa Mente Mortal pode alcançar por sua imaginação. Se o Criador Incognoscível é perene e Eterno, Sua criação também deve ser Eterna, visto que é “Sua filha”. Mas se o Incognoscível é Perene, não se pode supor a mesma coisa a respeito de Sua Criação. O que é Perene nunca se altera, nunca sofre mudança. Permanece a mesma coisa sempre. Mas o que é Eterno não necessariamente tem de ser perene. O Eterno pode e deve estar sempre em mudança e em processo evolutivo de aprimoramento. Então, pela lógica, o aprimoramento também é Eterno, o que significa que no mundo Criado não há a Perfeição jamais.

Nossa humanidade atual é uma Coisa Criada, portanto, está em eterna Evolução. Mas eu lhe pergunto: o Tempo é inerente ao Criador, assim como o Espaço. Ambos são Ele e Ele é ambos. Nós, enquanto Criação, estamos inexoravelmente dependentes da dimensão Espaço-Tempo e não podemos dela fugir. Podemos ser Eternos, mas não seremos jamais Perenes. Minha pergunta é: Outras humanidades já passaram por onde estamos passando, agora, em nosso caminho Evolutivo? Onde estão neste momento, na Imensidão Infinita de Universos que surgem e se transformam constantemente em dimensões “paralelas” infinitas? Mais

CASAMENTO: Por que será que casamentos que começam com muito amor terminam em ódio e decepção?

1 Comentário

O casal perfeito, que jurou permanecer juntos até que a morte os separe...

O casal perfeito, que jurou permanecer junto até que a morte os separe...

Muita gente se pergunta isto. Há até um aforisma popular que afirma que todo casamento termina após dois anos de começado. Verdade? Sim, podemos afirmar que sim. Mas por que?

Teosofia e Espiritismo têm uma única visão sobre este assunto. Ambas estas sendas do Conhecimento afirmam que não se pode enxergar a união de duas pessoas como nascidas aleatoriamente e sempre sobre a égide do Amor. Até porque a raça humana não sabe amar realmente. O que ela até agora aprendeu foi ter desejo e o desejo é apenas a semente do Amor. E não se deve compreender desejo somente como a atração sexual genital entre dois seres de sexos genitais opostos, não. Notem que não levo em consideração a atração entre seres de mesmo sexo genital, pois complicaria sobremodo este trabalho.

O Desejo encima ações meritórias e humanitárias, também. Por exemplo: o desejo de fazer o bem a um grupo de pessoas  doentes internados em hospitais, por exemplo. O desejo de galgar postos elevados na hierarquia de uma empresa ou do Serviço Público com o fito de melhorar as condições de vida do grupo familiar. E assim por diante. Com muita freqüência tal desejo leva a pessoa a cometer crimes vis, como a corrupção de valores, o que mais tem grassado na Política Mundial, atualmente. E pasme: o desejo de vingança é uma das piores modalidades do “amor” humano. Você pode estranhar que eu chame de “amor” tal coisa. No entanto, esta coisa está dentro do âmbito do Desejo, isto é, da radícula do Amor Verdadeiro, portanto tem de ser assim considerado.

O Verdadeiro Amor é a escada de Jacó, a que fiz alusão no artigo anterior. Sem a prática mínima deste maravilhoso sentimento, ninguém pode aspirar à Iluminação; à libertação da Roda do Samsara e a ascensão ao grau de Budha. Mas é tão difícil se saber o que é realmente a prática do Amor, diferenciando-a da prática do Desejo, que atualmente a humanidade toma um pelo outro, a ponto de um homem dizer a uma mulher: “Vamos fazer um amorzinho?” chamando-a para a prática da cópula. AMOR verdadeiro ignora esta prática, pois a tração genital entre macho e fêmea é uma Lei do Karma e tem razão muito além do que se imagina, para atuar entre os seres do Planeta. Por outro lado, o AMOR verdadeiro não pode ser reduzido a diminutivo. Mais

UM POUCO SOBRE OS CHAKRAS (2)

4 Comentários

Vimos alguma coisa sobre os chakras e creio que, se você é leigo neste assunto, foi muita coisa o que aprendeu. Até aqui tenho buscado fazer que você compreenda que o seu Verdadeiro Ser está muito além do que seu pensamento vulgar pode alcançar. Você, como a maioria da humanidade atual, vive pelo Elemental Físico e pensa que agindo aqui e ali do modo que julga ser correto porque todos assim o afirmam, principalmente os padres e os pastores, está salvo e irá ganhar os céus, quando se for. Mas creio que já lhe desponta na Mente duas idéias altamente incomodativas: 1ª) não há céu. Pelo menos no sentido cristão deste termo. 2º) A salvação – ou Iluminação – não é absolutamente fácil de ser alcançada. Há dezenas de crenças que ensinam que você pode saltar etapas e se tornar um iluminado bastando agir de tal ou qual modo. Isto não é verdadeiro, pois a Natureza não dá saltos. Entretanto, há ações recomendadas pelos taoistas que são muito válidas, como é o caso, por exemplo, de se praticar a gentileza. Em qualquer situação, seja gentil. Isto, eu lhe garanto, não é fácil, visto que nosso Elemental Físico é eminentemente medroso, odioso, egoísta e possessivo. Mas ensinar-lhe a gentileza como boa e necessária é um tremendo caminho já palmilhado na Senda da Evolução. Se os atuais muçulmanos praticassem a gentileza e a hospitalidade que seus ancestrais praticavam, certamente não haveria terroristas no mundo. Mas isto não aconteceu nem acontece porque o atual império mundial, EUA, nunca primaram por ser gentis com os outros povos. Nem eles, nem seus aliados, a maioria esmagadora que se diz cristã. Eu, particularmente, acredito que o Cristo se entristece quando olha para a Terra e vê o que os homens fazem dizendo-se cristãos. Ser Cristão é seguir os ensinamentos do Cristo e isto é tudo o que um cristão não faz. O cristão apega-se a mímicas inúteis, a rituais fúteis e a gritarias idiotas, como se Jesus fosse surdo. No entanto, esquecem do que Ele mesmo disse: “Quando quiseres orar, entra em teu quarto, fecha tua porta e ora em silêncio ao teu Pai que está nos céus. Ele te dará conforme teu merecimento”. Caramba! Existe algo que se possa dizer que seja mais objetivo que isto? Duvido! No entanto, os “omens” se aprazem construindo templos luxuosos, vestindo roupas esmeradas, comprando carrões para mostrar que Deus lhes deu aquilo de presente porque frequentam tal ou qual religião. Apegam-se à letra morta da Bíblia, aglomeram-se em horários determinados naqueles templos pomposos e sacodem a Bíblia ao ar aos berros de “Aleluia! Aleluia” e outros que tais. Alguns, seguram copos d’água diante de câmeras de TV, careteiam furiosamente e se contorcem como se estivessem com dor de barriga, ordenando a Deus que abençoe e fluidifique aquela água. Depois de bradar um pedido que esconde uma ordem peremptória, descontraem-se e dizem, convictos, olhando direto para a câmera: “Pronto! agora, irmão, você pode beber seu copo d’água que Deus fará um milagre por você!” HIPÓCRITAS! VÍBORAS! Como podem ousar-se crer capazes de dar Ordens ao Inominado? Foi contra os antepassados destes biltres atuais que Jesus se insurgiu e foi pelas mãos deles que foi parar na Cruz. Mas, como diz o velho adágio popular: “Deixa estar que o que é deles está guardado!” Mais

UM POUCO SOBRE OS CHAKRAS (1)

4 Comentários

Esquema do Chakra Muladhara ou Chakra raiz. Suas bocas se abrem no períneo e se volta para baixo.

Esquema do Chakra Muladhara ou Chakra raiz. Suas bocas se abrem no períneo e se voltam para baixo

Eu creio que, atualmente, até uma criança de dez ano já ouviu falar nos tais chakras. Não é mais algo tão desconhecido, tão “oculto”. Mas ouvir falar é uma coisa. Saber do que se trata, é outra.

A palavra sânscrita “chakra” significa, em português, “roda”. Não que se trate de alguma roda feita de algum material sólido, não. São rodas formadas pelas energias que nos chegam diretamente do Logos Solar. Estas energias penetram verticalmente pelo centro da boca do chakra e é justamente quando atingem esta boca que se abrem em vários raios, em ângulo reto com o jorro energético vertical.

Do Espaço, literalmente falando, “chovem” sobre a Terra uma centena de qualidades energéticas. No entanto, para a vida humana, só três são importantes:  Duas vindas do Espírito Solar e uma do Espírito Planetário Terrestre. São elas:

Energia Vital — é aquela que nos vem diretamente da Vida Divina e nos chega através do Logos Solar (Logos = som; verbo. Logos Solar = Espírito do Sol, em Teosofia). Esta Energia impregna o átomo ultérrimo desde mesmo quando ainda ele não existe senão na forma de koilon, as “infinitesimais borbulhas” que flutuam no Sétimo Subplano do Plano de Matéria Divina. É conhecida entre os Ocultistas Teosóficos sob a designação de Fôhat. E, para os totalmente leigos, esclareço que o Sol é uma entidade Viva, Imortal e que se encontra acima de qualquer evolução espiritual que um Espírito humano possa alcançar enquanto esteja evoluindo em planetas ou Globos ao redor de uma estrela. Globos, aqui, diz respeito aos Mundos que integram uma Cadeia Planetária e geralmente não são visíveis porque se constituem de matéria muito mais sutil que a matéria densa. Isto já foi dito em outros artigos. Apenas faço uma pequena recordação do assunto. E, a propósito, quando os velhos egípcios prestavam reverência ao Sol, não o faziam ao globo estelar incandescente, não. Reverenciavam Rá, o Espírito do Sol, o mesmo que a Teosofia chama de Logos Solar. Segundo alguns estudiosos, o nome Is-Rá-El não é hebraico, mas egípcio e significa os filhos de Rá, ou os Filhos de Deus. Sendo o Faraó o representante de Rá entre os homens, ele era reconhecido como O filho unigênito de Rá. Advinha, então, de onde o Cristianismo retirou a idéia de fazer Jesus o filho Unigênito de Deus? A propósito, o próprio Jesus jamais negou aos demais homens serem também filhos de Deus. Assim, Ele mesmo não reconheceu a tal unigenia.

— A Vitalidade — diferente da Energia Vital, a Vitalidade é uma forma de energia cósmica que, devidamente trabalhada pelo Logos Terrestre, torna-se adequada para a manutenção da Vida no Duplo Etérico de todas as Formas Vivas que se desenvolvem no Planeta. Esta Energia Cósmica é conhecida entre os hindus como Prana. Entre os orientais, como Chi ou Ki.

— A Kundaline — a Energia do Planeta Terra que energiza, “planetariza” e fortalece todas as formas de vida sobre o planeta e, no homem, é a responsável pelo funcionamento de cada um dos Chakras, na medida em que o ser humano se Ilumina com o Conhecimento e a Sabedoria.

Mais

CORRUPÇÃO. E O CULPADO SÃO OS APOSENTADOS

Deixe um comentário

Joaquim Roriz. Corrupto é pouco para expressar a capacidade de roubar do amigo do alheio aí.

Joaquim Roriz. Corrupto é pouco para expressar a capacidade de roubar do amigo do alheio aí

Não é alarma falso, não. Carlos Newton denunciava ao Brasil, no dia 29/06/2011. A corrupção do DNIT (Departamento Nacional de Infra-estruturar dos Transportes) é tão grande, tão disseminada que a Diretoria da Polícia Federal tomou a decisão de não abrir inquéritos específicos para apurar novas denúncias, porque não tem condições de conduzir tamanho número de investigações simultâneas. A Polícia Federal tem aberto, atualmente, mais de 60 inquéritos que buscam apurar denúncias de desvios de dinheiro público em obras rodoviárias controladas pelo DNIT. Claro está que os culpados são aposentados do INSS que, semvergonhamente, se infiltraram na honestíssima máquina Pública, para, buscando a ajuda de polititicas refinados, meter a mão no erário nacional. É por estas e outras que os Governos, desde eras priscas, acusam os aposentados do INSS de quebrarem o Brasil se tiverem seus minguados proventos de aposentadoria reajustados de conformidade com a Constituição Federa. É isso aí, Vovozona! Vamos continuar descendo a ripa no lombo dos falsos velhinhos caquéticos do INSS. Esse negócio de eles estarem morrendo à míngua na porta dos hospitais que dizem atender pelo SUS é mentira deslavada. Os patifes de cabelos brancos não estão assim tão miseráveis. Afinal de contas, ainda têm um teto sobre suas cabeças e ganham a exorbitante quantia de um salário mínimo mensal! Que horror!!! Mesmo que aquele teto seja de aluguel, num barraco caindo aos pedaços, nos fundos de alguma casa de alguém que ainda consegue se manter de pé neste país de injustiças sociais, os desgraçados aposentados do INSS têm onde morar. Que importa que seja em condições subumanas? Eles deviam estar morando era debaixo dos viadutos, das pontes, das marquises, locais onde os filhotes de poderosos poderiam se divertir, à noite, depois da orgia regada a uísque importado, pondo fogo naqueles corpos miseráveis. Afinal, por que diabos se deve dar proteção a aposentados? Já deram o que tinham de dar. Morte com eles! Aposentados dignos são os do honestíssimo Serviço Público. Estes, sim, merecem ir para a reserva com seus salários, suas vantagens e tudo o mais que o papai Estado lhes dá de graça, pois foram escolhidos dentre a corja de candidatos a futuros vagabundos da nação através de concursos públicos que encheram a burra do Governo, digo, dos polititicas, com a arrecadação das inscrições (há 200 concursos públicos para um mesmo cargo e só os últimos concursados são chamados). Os restantes deverão voltar a pagar inscrição para enfrentar mais outros 200 concursos. Isto, até que a burra de uma corja de polititicas fique cheia e eles percam tempo costurando meios de não aparecerem como os verdadeiros arrecadadores daquela dinheirama. A seleção não é feita através de conhecimentos, não. Se fosse, não haveria tantos ignorantes da língua portuguesa entre os aprovados. Ela se dá na base da demonstração de resistência e de posse de dinheiro suficiente para pagar 200 inscrições ou mais em concursos públicos — e isto sem levar em consideração a montanha de dinheiro que tiveram de gastar com cursinhos preparatórios para concursos públicos. Tal fato demonstra que os candidatos são apegados à idéia de mamar gordo, logo, são prováveis corruptíveis a serem cooptados pelos cabeções do crime organizado federal, onde os criminosos são, SEMPRE, os malditos aposentados do INSS. Mais

O TORMENTO DOS APOSENTADOS VAI CONTINUAR, COM O AVAL DA PRESIDENTA

Deixe um comentário

Lulão e Diulmona. Um PACto contra os Aposentados. Que alegria, hein, Lulão?

Lulão e Diulmona. Um PACto contra os Aposentados. Que alegria, hein, Lulão?

24 de dezembro de 2010 às 13:09 publiquei, aqui um artigo falando sobre o fator previdenciário. Naquele artigo eu procurei chamar a atenção dos jovens para o perigo que paira sobre o futuro de todos eles, principalmente para os que irão terminar mourejando amargamente em empresas globalizadas, que pagam muitíssimo mal e sugam até a alma da pessoa para, depois, cuspir o bagaço de volta à Nação à qual pertencem, sem se incomodarem nem um cêntimo com a desdita de sua aposentadoria. Minha filha, então, não trabalhava e vivia refestelada à custa deste aposentado que vos escreve. Terminado o curso de Advocacia, pronto: dever cumprido. Mas não se estuda para cumprir um dever e sim para nos prepararmos para a vida. E esta… Melhor dizendo, o ato de viver está cada vez mais difícil. De um lado, a ganância dos banqueiros e das megaempresas globalizadas. de outro, a Natureza enfurecida que aos poucos fecha a torquez em que irá esmagar a todos indiscriminadamente. Mas um dia a casa cai e a dela veio abaixo. Queria um carro e papai e mamãe se recusaram a pagar. Então, como já havia apanhado o objeto poluidor na concessionária, teve de trabalhar e, depois de amargar uma maratona atrás de uma empresa decente, concluiu o que eu já gritara a todo pulmão: Jovens, alerta! Vocês são laranjas para serem chupadas até o bagaço! Mais

O OVO ÁURICO E AS OBSESSÕES (2)

Deixe um comentário

Um momento de comunhão com a Natureza. Clube dos Advogados, em Goiânia.

Um momento de comunhão com a Natureza. Clube dos Advogados, em Goiânia.

Vimos alguma coisa sob a obsessão causada por “mortos-vivos”, isto é, por Duplos Etéricos que já foram despojados de seus suportes físicos. E creio que, embora eu  tenha falado rapidamente sobre o tema, as informações que lhe forneci deu para que você, se tem uma mente eclética, aberta para aprender novos conceitos e admitir novas visões, repensar no seu estilo de vida com mais seriedade. Torço para que você, se é do tipo que vive valorizando o sexo, o material, o supérfluo e o mundo denso e ilusório, dê uma quinada de 180º e tome uma nova direção. O Verdadeiro Caminho não se encontra aqui fora, na luz do Sol físico, mas sim dentro de cada um de nós. Mais

Older Entries