Males emocionais não podem ser pesquisados através do microscópio.

Males emocionais não podem ser pesquisados através do microscópio.

Até agora o Cartel da Roupa Branca não levou, mas não vai desistir. A moda de cartelizar tudo pegou como erva daninha. Os médicos defendem a tese absurda de que só a eles cabe o fazer diagnósticos e indicar tratamento. Como é que um sujeito que não estudou PSICOLOGIA nem NUTRIÇÃO a fundo, pode fazer diagnósticos nestas áreas? Desde quando o Médico é o Todo Poderoso nas Ciências Humanas? Isto é tentativa de formação de Cartel e a Vovozona acertou quando vetou esta tentativa de Feudalismo Branco.

Tristeza, angústia, depressão emocional, traumas educacionais etc... não encontram remédios em injeções ou intervenções cirúrgicas.

Tristeza, angústia, depressão emocional, traumas educacionais, timidez, insegurança, auto-imagem reduzida etc… não encontram remédios em injeções ou intervenções cirúrgicas. Conflitos emocionais só o Psicólogo trata.

Eu já saí da raia, mas se ainda militasse em minha profissão e essa “coisa” chamada Ato Médico fosse aprovada EU NÃO OBEDECERIA NEM QUE O DIABO EM PESSOA VIESSE TENTAR ME CONVENCER DO CONTRÁRIO. Chega da prepotência médica sobre as demais profissões. Se não se tomar cuidado, até para comprar uma cibalena o cidadão brasileiro terá de pagar entre R$ 300,00 a R$ 600,00 de consulta para obter um papelzinho carimbado pelo Rei da Cocada Branca, o Doutor. E a cibalena vai sair caro pra diabo. Tudo o que diga respeito à saúde tem de ter o aval do médico. Então, tudo o que diga respeito a armas e ações militares tem de ter o aval do Exército, da Marinha ou da Aeronáutica, não é não? E as Polícias deveriam ser desmilitarizadas e desarmadas… Que alegria para a bandidada…

Será que os médicos vão também querer cartelizar os “chazinhos das vovós”? Aqueles que até hoje são usados para diversos males que afligem as pessoas, como dor-de-barriga, lombriga, dor de cabeça, pressão alta etc…? Eu não duvido. E não duvido porque os médicos trabalham estreitamente ligados com a Máfia dos Laboratórios Internacionais, as famosas Multinacionais da Saúde. Elas querem TUDO para si. Se a urina de cavalo é defendida como boa para derrubar verruga, então ela tem de ser enquadrada dentro de uma pílula ou em um frasquinho de 5 ml (com preço astronômico) para que as “Multi” da saúde estourem seus cofres.

Eis o pecado da gula no seu mais baixo patamar.

Eis o pecado da gula no seu mais baixo patamar.

É por isto que o Elemental Físico humano ainda vai ficar sofrendo o diabo aqui em baixo até que aprenda a não cometer o pecado da Gula. Ganância é gula e os cartéis, sem exceção, são absolutamente glutões.

Quando eu clinicava tive entre meus clientes vários médicos de várias especialidades, inclusive neurologistas, os que mais próximos da Psicologia se encontram (ao contrário do que se pensa, não são os Psiquiatras que estão nesta posição. Eles, quando muito, estudam por seis meses a teoria de Freud e se dão muito por satisfeitos com isto. Ultimamente é que a coisa vem mudando e eles fazem cursinhos de extensão para conseguir maior luz em seus conhecimentos). Não fosse a Psicologia, nenhum dos médicos que foram meus clientes teria chegado a bom termo em seus sofrimentos, em que pese o arsenal de drogas que as Multinacionais da Saúde lhes colocam ao alcance. Muitos destes remédios não passam de placebo. Não fazem efeito nenhum e, às vezes, fazem mais mal do que bem (a maioria deles. Basta ler as contra-indicações que trazem e as reações adversas que contêm). Ultimamente tenho tido medo de tomar remédios, ainda que receitados por médicos. Basta ler as contra-indicações para que a gente fique milagrosamente curado. E sabem o que descobri? A água é um excelente remédio para muitos dos males que nos afligem. Quando estou descendo a ladeira com algum distúrbio de pressão ou de fígado ou intestinal etc… eu bebo no mínimo quatro litros de água durante a noite. Bom, perco o sono porque tenho de fazer plantão diante do “bocão”, mas o mal-estar desaparece e meu organismo volta rapidinho ao normal. Eu já lia a respeito disto desde quando tinha apenas 35 anos, mas só agora, na velhice, apelei para a água como remédio. Ela realmente é muito boa. Limpa o que quer que esteja incomodando o organismo e coloca tudo para fora através do “bilau”. Só espero que as “Multinacionais da Saúde” não inventem de privatizar a água (ou, pior, o bilau da gente), a exemplo da Espanha que já privatizou o Sol.

Por cinco vezes eu salvei a vida de pessoas com câncer. Câncer que os médicos não descobriram, apesar das dezenas de chapas e testes laboratoriais sofisticados a que submeteram tais clientes. E o que usei? O teste projetivo H.T.P. (hoje quase não mais estudado nas faculdades de Psicologia, graças ao apego à modernidade “mutabilizante” que grassa em todos os campos do conhecimento humano).

Há que se reconhecer que o ser humano não é composto só de músculos, vísceras, sangue, linfa, ossos, nervos, pele e pelos. Muito além destes componentes há a MENTE e esta é muito complexa e produto direto de uma Sociedade totalmente doente em todos os seus campos, a começar pelo religioso. Se, para compreender o organismo físico denso, os médicos levam até sete anos de estudo, contando com os dois anos de residência, para compreender a Mente eles teriam de estudar nova faculdade, a de Psicologia. E não por apenas mais cinco anos, como é hoje, mas por mais sete anos – que virá a ser o Curso de Psicologia em futuro próximo.

Temos de parar com a cartelização, senão o bicho vai pegar pra todo mundo e pra todo lado.