Eis o adesivo que mostra toda a raiva e frustração dos que ainda pensam no Brasil.

Eis o adesivo que mostra toda a raiva e frustração dos que ainda pensam no Brasil.

Por quase todo o Brasil as classes mais favorecidas, fora das faixas dos pobres miseráveis que só sobrevivem graças às bolsas-miséria, bolsas-esmolas e bolsas que tais, pregou no vidro traseiro de seus automóveis um adesivo com sua repulsa e sua revolta exarada na expressão FORA DILMA. E LEVA O PT JUNTO. Bom, pelo andar da carruagem, Vovozona está por um fio. Está com um pé na sepultura.

Será isto bom para nós?

Eis uma pergunta terrível. Quem vem aí pregando maravilhas é AÉCIO NEVES. Quem é o distinto? O Brasil não sabia, em sua maioria, quem era o sujeito. Membro militante do PSDB, ele fez e aconteceu em Minas Gerais. O que fez? Como aconteceu? Só ficamos sabendo através da propaganda eleitoral e esta, convenhamos, não merece crédito nenhum seja qual seja o candidato a que se refira. Antes, nem se ouvia falar de Aécio Neves. Agora, seu nome é conhecido de norte a sul e de leste a oeste do país. Vem como o Salvador da Pátria.

"Tchau, PT! Eis que trago de volta o PSDB dos Tucanos. Quem é vivo sempre aparece, não é mesmo?"

“Tchau, PT! Eis que trago de volta o PSDB dos Tucanos. Quem é vivo sempre aparece, não é mesmo?”

Será?

Eu tenho 99,99 pés atrás com a dupla satânica PMDB/PSDB. E há um mau agouro que aparece nas nossas televisões todas as vezes que o Aécio surge na telinha botando falação para cima da Nação. Falo do Urubu do Inferno, mais conhecido aqui em baixo como José Serra. Toda vez que o Aécio aparece na TV lá está o Urubu do Inferno cafungando em seu cangote. Desgraçadamente, os paulistas (parece que em São Paulo só mora masoquistas) elegeram o peste para o Senado Federal. Mas ele, no íntimo, quer mesmo é a Cadeira Quente e, podem crer, enquanto respirar vai batalhar com denodo para conseguir fazer como fez seu antecessor lá no passado, o pobretão judeu conhecido como José do Egito (filho de Jacó), traído por seus irmãos, vendido como escravo a mercadores ismaelitas e que chegou a ter grande influência no reino Egípcio, tornando-se o protetor de seu povo manobrando as rédeas do Poder egípcio através dos conhecimentos que adquirira entre os budistas e do que a Bíblia não fala. Isto, este desejo oculto do Urubu dos Infernos, é terrível. Serra é judeu convicto e não devemos colocar no nosso “trono” quem é separatista racista arraigado como soem ser todos os judeus praticantes (se você não sabia fique sabendo: os que usam ainda as trancinhas ridículas não falam com goins, não lhes apertam as mãos e não lhes dirigem o olhar, porque os consideram de raça inferior. E os brasileiros são goins. O Urubu do Inferno não pode usar as trancinhas ridículas porque é careca de doer, mas isto não impede que seja do partido dos extremistas). Dou Dilma por José Serra e vice-versa e não quero um tostão pela troca. Ou seja: vejo os dois como duas pestes para o Brasil. Ao menos a Dilma veio montada nas costas do Lulaça, brasileiro da gema, que, bem ou mal, tirou nosso país das garras dos bancos estrangeiros e das multinacionais que já se sentiam com as unhas fincadas em nossa carne… quero dizer, em nosso torrão natal. Mas Lulaça foi traído pelo seu amado PT e teve de dançar conforme a música que o Partidão tocava…

Caramba! José Serra é judeu! E se é judeu, seu nome verdadeiro não deve ser este. Quem é ele, de verdade?

Eis Serra na Sinagoga. Minhas experiências com judeus ortodoxos foram péssimas. Por isto, sou desconfiado até à alma com esta gente.

O povo está polarizado e dividido. As classes mais baixas, dependuradas nos bolsas-tudo, finca-pé na manutenção da doadora de comida, cachaça e forró de graça (trabalho, não). As classes dos espremidos, isto é, aquela que é a maioria dos brasileiros, grita furiosa contra o “status quo” que o PT criou e mantém à custa de corrupção e mentiras a mais não poder. Eu sei, e todos os mais ou menos cultos e cultos de verdade também o sabem, que a Aloprada do Planalto não tem condições de lutar contra o PARTIDO PELO QUAL FOI ELEITA. Se se mete a besta, pode até ser derrubada com estrondoso impeachment, orquestrado pelo seu próprio partido. Haja vista a gangue que vem sendo desmascarada pela PF, que, verdade seja dita, tem liberdade de ação concedida justamente pela Presidência da República. Quem ainda se lembra dos Tucanos no Poder deve-se lembrar também que naqueles tempos recém-passados, a PF era manietada e se trabalhava era porque ali tem homens de raça. 

"Eu não disse nada!"

“Eu não disse nada!”

Eu tenho de reconhecer que a Aloprada do Planalto não tem qualquer condição de fazer alguma coisa que preste pelo país enquanto ao seu redor voarem as moscas varejeiras do PTzão. Além disto, a Aloprada do Planalto tem dois defeitos gravíssimos, os quais, por si sós, já a contra-indicam para qualquer confiança de nossa parte (da parte dos que são verdadeiramente brasileiros e não vivem dependurados em bolsas-esmolas). Refiro-me à sua sede de vingança contra as Forças Armadas brasileiras, da qual, como Presidenta, ela é a chefe suprema; e ao seu amor cego e perigoso para com os tiraniquinhos de banana (Fidel, Hugo Chavez etc…) adoradores da filosofia torta da “Social-Democracia”, seja lá o que diabo isto seja.

No Tucanato nós fomos jogados ao chão em tudo o que tínhamos criado de bom para nossa pátria, impulsionados que fomos pelos Militares (e quem negar isto é burro). Tornamos, agora, aos idos dos anos 50/60, quando dependíamos em tudo, do emprego ao vaso sanitário, das multinacionais gananciosas e escravagistas.

Este patife foi de minha época. No entanto, enquanto ele agia para se manter na crista da onda, eu, idiotizado, lutava para me manter à parte das lutas de 64...

Eis o Vampiro Brasileiro engalonado com nossa faixa. Por nossa culpa mesma, é claro.

Estávamos quase nos libertando dos tacões estrangeiros, quando vem FHC e seu PARTIDÃO e nos trai covardemente (e a troco de uma fortuna que ele só poderia gastar em treze encarnações sucessivas, se isto lhe fosse permitido). Nossos filhos nasceram já escravos das teles estrangeiras (e em minha família tenho exemplo disto). As Leis Trabalhistas foram jogadas na lata do lixo da “Democracia desmocratizada“, e os que mourejam nas malditas empresas satélites chamadas Call Center tiveram salários miseráveis e foram obrigados a trabalhar até doze horas por dia e em finais de semana sem direito a qualquer remuneração extra por isto, pois os investidores das multinacionais das tele jamais concordariam com “desperdiçar lucro com escravos sul-americanos”. 

Lulaça ganhou o Poder com o discurso de que ia mudar tudo. Não mudou nada! Teve de curvar o cangote nordestino ao imperialismo de seu PARTIDAÇO, já emprenhado de ladrões e gananciosos de todas as laias. E ele capitulou e manteve tudo o que não prestava herdado da dupla satânica PMDB/PSDB. Passou a herança à Alporada do Planalto e se manteve como seu padrinho até agora, quando a coitada está com o pé-na-cova. Ele sabe que quando ela desabar o PTZÃO vai balançar feio e vai-se voltar para ele como a renovação da esperança petralha… Mas Lulaça não quer nem falar em voltar à Cadeira Quente. Falo de nosso futuro, que poderá ser daqui a cinco anos, se o Aécio conseguir eliminar as tais reeleições (o que duvido muito). Como será, então, o cenário polititica de 2019 (ou 2020, se o Aécio conseguir emplacar a idéia de 5 anos em lugar de quatro, para os governos)?

Quem viver, verá.

Espertamente, o dono do PSDB, o famigerado e amaldiçoado FHC, não pôs a cara de fora. Não ainda. Ele, esperto, sabe que sua aparição ao lado do êmulo do partido, o Aécio, só poria em risco a batalha deste pela Cadeira Quente. Ao contrário do Urubu dos Infernos, FHC é esperto como uma raposa e dará o bote quando vir que o êmulo de seu partido está sacramentado lá em cima por 4 ou 5 anos. Aí, sim, vamos ver o que é a Eminência Parda em ação (Deus queira que eu esteja errado).

Estou defendendo a manutenção do status quo que aí está e que revira as tripas de quem ainda pensa neste país de coitadinhos? NÃO, DIABO! Estou escarafunchando a lama que ninguém mexeu ainda, temendo o fedor que vai-se levantar dali. Nem morto eu desejaria a manutenção da Dilma no Poder. Ela já deu o que tinha de dar e o que nos deu não prestou. Estou ao lado dos que gritam FORA, DILMA. E LEVA CONTIGO O PT (e acrescento: pras profundas! E vê se não sai mais de lá, diaba gorda!).

A briga é de octógono.

A briga é de octógono.

Mas o que fazemos, por total falta de opção, é retornar aos braços do Vampiro do Brasil (FHC). E, tal como o vampiro, quem é político jamais muda de filosofia, mesmo quando troca de sigla partidária. A doutrinação partidária é terrífica. Condiciona até a própria alma do sujeito. Como um filho pródigo infeliz e sem alternativa, eis que retornamos à catacumba vampiresca chamada PSDB. Só espero que o esperneio que houve no Brasil em 2013 tenha colocado os desgraçados em alerta. Queiram eles ou não, o Brasil está aceso. A juventude está alerta. Afinal, é a vida deles que corre risco. É o futuro deles e dos filhos que estão gerando que está em jogo. E eles estão-se politizando. A briga é de octógono. Os filhotes dos polititicas estão prontos para continuar com a herança de seus antepassados. Os novos jovens políticos, que não são herdeiros do Brasil, querem mudanças porque estão enojados com o que vêem. Será o Aécio desta turma? Ou será da turma de herdeiros? Terá o povão força para se manter em alerta e pronto para cobrar de seus eleitos?

Em breve saberemos.