"Uma maconhinha de vez em quando não faz mal a ninguém!""

“Uma maconhinha de vez em quando não faz mal a ninguém!””

Fernando Henrique Cardoso, o traidor dos aposentados do Brasil, defende a descriminalização da Maconha. Fernando Gabeira, também. Mas este último é usuário dela, portanto, sua opinião é viciosa. Este assunto vem rolando pelo mundo há muito tempo. Países que o fizeram terminaram por se arrepender da experiência. Aumentou assustadoramente o número de consumidores, aumentou proporcionalmente a queda no rendimento dos empregados e dos estudantes, aumentou a despesa com a saúde pública e privada e, ainda, a tendência à criminalidade sem que fosse diretamente relativa à proibição da venda e consumo do veneno. Muitos países revogaram a liberdade e a maconha voltou a ser proibida. Cardosão, Gabeirão e outros afins com os contraventores e os contrabandistas continuam firmes na defesa da liberalização do vício, ignorando propositadamente que todo vício é prejudicial à saúde do viciado. Mais