COMO ENCARAR A GUERRA DECLARADA DOS POLÍTICOS CRIMINOSOS?

Deixe um comentário

Gente como Lula, perdido no tempo e no espaço, venal e corruptível, nunca mais deve ter nas mãos os destinos de nosso país.

Gente como Lula, perdido no tempo e no espaço, venal e corruptível, nunca mais deve ter nas mãos os destinos de nosso país.

Acabou-se de vez o “faz de conta”. Acuados por todos os lados e desmoralizados irremediavelmente perante a Sociedade Brasileira, os políticos adeptos do crime e da roubalheira deslavada estão espremidos contra a parede. Finalmente deram-se conta de que não adianta palavras bonitas nem posturas imponentes. O povo fechou o cerco e dá um suporte de granito à Polícia Federal e ao Juiz Moro (e outros que lhe seguem o exemplo irrepreensível).  Além disto, a vigilância sobre o que fazem é ininterrupta. A Mídia, então, não lhes dá sossego. As madrugadas já não mais são seguras para tramar e aprovar medidas que vão totalmente contra nosso país. Aos poucos os que restam surgem nas delações dos que, presos, entram em desespero ao perceber que para eles a única solução é entregar os seus comparsas. Muitos dos detidos, como alguns empresários, foram de alguma forma induzidos ao crime pelos próprios políticos que não se envergonhavam de coagi-los. É fácil. Ainda é fácil. Podemos ver isto claramente nos processos licitatórios de cidades pequenas. Nelas, sem exceção, as empresas são encostadas nas paredes para escolherem a quem vão apoiar em troca de ganhar uma ou várias licitações. Todas, viciadas, ou seja, de antemão já definidos os ganhadores. Mais

EMPRESÁRIO APÓIA EMPRESÁRIO. MAS QUEM APÓIA O POVO?

Deixe um comentário

Chupar dentadura é tique nervoso ou é porque ela está frouxa?

Chupar dentadura é tique nervoso ou é porque ela está frouxa?

Aprochega-se o tempo da Liberdade Democrática para os Zé Nings brasileiros. E eles, o que pensam a respeito? NADA! Brasileiro, Zé Ning,  não pensa senão na cesta básica de todo mês. O que fazem os polititicas não lhes interessa… NÃO? Uma ova, que não. Vejam vocês, Zé Nings desavisados: leio, na FOLHA DIGITAL de hoje, que em um acepipado jantar na residência de um festejador elitista do Governador de São Paulo, onde uma parcela IMPORTANTE DO PIB BRASILEIRO se reunia para a degustação dos acepipes, o Excelso Sr. Governador Paulista declarou, enfático, que dava apoio à pré-candidatura de outro elitista, o empresário  João Dória Júnior à Prefeitura de São Paulo.

Notaram? Não havia nenhum Zé Ning, nem mesmo com PHD em alguma ciência afim com a Administração Pública. EMPRESÁRIOS DECIDINDO OS DESTINOS DOS ZÉ NINGS PAULISTAS. Como se em sendo empresário e representar uma fatia do PIB fosse suficiente para justificar a eleição de um elitista para decidir sobre os destinos de milhões de pessoas, nem todas empregadas das elites industriais. Mais

%d blogueiros gostam disto: